Microbiota: os melhores alimentos para um bom intestino

Microbiota: os melhores alimentos para um bom intestino

Sintomas como enfartamento, obstipação, barriga inchada, ou diarreia, podem indicar um desequilíbrio no seu intestino. Se for esse o seu caso, saiba quais os melhores alimentos para aliviar estes sintomas.

Costuma queixar-se após as refeições de barriga inchada e duraenfartamentoobstipação ou casos de diarreia? Saiba que estes sintomas podem ser indicadores de um desequilíbrio na microbiota intestinal.

Mas o que é a microbiota? A microbiota intestinal é o nome dado à população de micro-organismos que vivem no intestino. São cerca de 100 biliões de bactérias, vírus e fungos, bons e menos bons, sendo essencial o seu equilíbrio, como forma de garantirmos uma microbiota saudável.

para que serve a microbiota? Serve, sobretudo, para quatro grandes funções:

  • auxílio e otimização do nosso sistema imunológico;
  • impedimento do desenvolvimento de micro-organismos nefastos;
  • produção de variadas substâncias;
  • produção de hormonas.

Sintomas de uma microbiota intestinal desequilibrada

Quando a microbiota intestinal está em desequilíbrio, o corpo dá sinais, nomeadamente disbiose, o que significa um aumento do número das bactérias menos boas.

Entre os sinais mais comuns estão:

  • barriga inchada e dor;
  • náuseas;
  • gases;
  • diarreia aguda
  • ou prisão de ventre.

Esta alteração da microbiota está associada, muitas vezes, ao desenvolvimento de outras patologias, como patologias alérgicas, doenças autoimunes, doenças cardiometabólicas (como diabetes e obesidade), doenças inflamatórias do intestino (como doença de Crohn ou colite) ou mesmo doenças cognitivas.

O que comer para melhorar a saúde da microbiota intestinal

Para preservar a saúde da microbiota, é essencial apostar no consumo de bons produtos de origem vegetal. Estes produtos são a grande fonte de fibra da nossa dieta e é a fibra que permite que a nossa microbiota se desenvolva e cresça.

Assim, deve privilegiar uma alimentação o mais natural possível e rica em fibra e vitaminas, apostando no consumo elevado de:

  • frutos;
  • legumes;
  • leguminosas;
  • iogurtes
  • e cereais integrais.

Por oposição, evitar alimentos processados, ricos em açúcares refinados e gorduras processadas, saturadas e de origem animal.

A alimentação deve ser a primeira via de tratamento, mas, caso se justifique, pode ser complementada com a toma de suplementos probióticosOs probióticos são bactérias boas, vivas, que, quando administradas na dose adequada, dão uma ajuda à recuperação da microbiota intestinal. Caso necessite deste reforço, faça-o mediante avaliação médica.

Perguntas frequentes sobre barriga inchada

Quais as causas da barriga inchada?

A barriga inchada é um dos sintomas mais comum que pode indicar um desequilíbrio na microbiota intestinal, a par da sensação de enfartamento, obstipação ou diarreia. Quando a microbiota intestinal está em desequilíbrio, isto é, quando existe um aumento do número das bactérias menos boas face às boas, o corpo dá sinais, nomeadamente disbiose.

Quais os alimentos que diminuem a barriga inchada?

Os melhores alimentos para a barriga inchada são aqueles que são ricos em vitaminas e fibras, como frutos, legumes, leguminosas, iogurtes e cereais integrais.

Quais os alimentos que deixam a barriga inchada?

Já os alimentos que podem contribuir para o inchaço abdominal são os alimentos processados e pobres em fibras, ricos em açúcares refinados e gorduras processadas, saturadas e de origem animal, sendo, por isso, de evitar o seu consumo.

O que tomar para aliviar a barriga inchada?

A alimentação é a base de um intestino saudável e equilibrado, mas, além disso, também a toma de suplementos probióticos pode ajudar a regular a nossa microbiota. Os probióticos são bactérias boas, vivas, que, quando administradas na dose adequada, dão uma ajuda à recuperação da microbiota intestinal. Consulte o seu médico, caso necessite deste reforço.

ONDE COMPRAR